Gestão de frotas: 7 práticas para reduzir o custo operacional

Reduzir custos com a gestão de frotas da sua empresa pode ser fundamental para manter o balanço financeiro positivo. Entretanto, isso deve ser feito de forma equilibrada e muito bem pensada.

Caso contrário, a longo prazo o prejuízo pode ser ainda maior e vir acompanhado de uma queda na qualidade do serviço. Veja neste blog post 7 práticas para reduzir o custo operacional da gestão de frotas.

1.Controle seus custos

Para criar estratégias e reduzir os custos de forma correta, primeiramente é importante que o gestor de frotas os compreenda e os monitore de maneira integral. Somente desta forma um plano eficaz pode ser traçado, representando otimizações à empresa.

Isso abrange monitorar:

  • custos por viagens;
  • custos por motoristas;
  • custos com manutenção;
  • custos com trocas de peças.

Existem alguns softwares de gestão que podem auxiliar nessa etapa e dependendo do tamanho de sua demanda são extremamente necessários. Para determinar qual o melhor programa, busque na internet informações, converse com outros colegas que tenham algum conhecimento sobre o assunto e então decida por aquele mais satisfatório ao seu caso.

dicas para reduzir consumo de combustivel

2.Manutenção

Realizar a manutenção preventiva contribui muito para uma boa gestão de frotas. Alguns responsáveis por cuidar dessa parte consideram um ônus a prevenção, entretanto isso pode significar a redução de custos maiores.

Imagine que numa inspeção de rotina dos veículos, é encontrado um pequeno problema e que facilmente pode ser consertado. O que hoje é apenas um “probleminha”, amanhã pode se tornar uma dor de cabeça muito maior.

Outra alternativa que você deve levar em consideração é a terceirização da manutenção de sua frota. Mesmo que tenha um bom volume de “carros” na garagem é muito difícil manter um profissional para cada área de manutenção da empresa.

Portanto, pode valer a pena manter uma equipe apenas para serviços básicos, terceirizando a maior parte das demandas, como:

  • pinturas;
  • reparos em transmissões;
  • soldagens.

Um ponto muito importante dentro do tema manutenção, são aqueles elementos que já necessitam de muitos reparos e estão se tornando uma dor de cabeça no orçamento. Muitas vezes se livrar de objetos obsoletos e comprar novos é melhor do que mantê-los gerando gastos e mais gastos à empresa.

3.Mantenha o planejamento de rotas

O planejamento de rotas define os melhores percursos aos veículos e muito mais do que uma simples tomada de decisão, ele pode aprimorar o serviço de sua empresa e prevenir custos. Os principais benefícios desse planejamento são:

  • otimização de tempo de transporte;
  • economia de combustível;
  • redução de custos operacionais.

4.Sistema de acompanhamento por câmeras

Um sistema de monitoramento por câmeras auxilia muito quem cuida da gestão de frotas. Dessa maneira é possível manter um fluxo de informações constante, que podem ser analisadas e transformadas em otimizações posteriores.

Você também pode acompanhar os motoristas e reportar aos clientes qual é a situação atualizada de suas cargas – caso de transportadoras.  Com a transmissão em tempo real das imagens das câmeras, outro benefício é a segurança de cargas e ônibus.

O fator segurança pode ser pontual para redução de gastos, uma vez que em casos de negligência dos motoristas você facilmente perceberá, alertando para não mais cometer erros. Em casos de extravio ou roubo de cargas as câmeras também são muito eficientes e podem contribuir bastante, evitando gastos maiores com ressarcimentos de clientes.

5.Uso de produtos de qualidade na gestão de frotas

Para manter sua frota sempre ativa e com o mínimo de carros parados, realizar a manutenção e utilizar produtos de qualidade é fundamental. É o caso dos óleos lubrificantes.

Os motores são exigidos diariamente e necessitam que a gestão da frota inclua produtos e outros elementos que proporcionem durabilidade, performance e resistência. Os lubrificantes, por exemplo, são fundamentais nessa parte e podem minimizar os gastos com consertos de peças do motor.

calculadora ursa

6.Estabeleça metas mensuráveis

Para atingir melhores resultados e poder acompanhá-los, você pode trocar aquelas famosas frases: “economizar dinheiro” por cortar custos em 10% até o final do ano. Feito isso, crie submetas que direcionam a obtenção dos resultados.

Por exemplo: diminuir em 5% os custos com combustíveis. Para realizar essas reduções, você parte então para o plano de ação, como encontrar fornecedores mais baratos para correias, mangueiras e filtros.

7. Instrua os funcionários a não dirigir em marcha lenta

Uma curiosidade da área de transportes que pode influenciar muito a parte financeira é a marcha lenta. Quando ônibus ou caminhão operam em marcha lenta, provocam desgaste excessivo, reduzem a vida útil do motor, aumentam o gasto de combustível e emissão de poluentes.

Instruir a equipe de motoristas a evitar esse tipo de situação irá representar uma diminuição de custos diretos e indiretos, como a manutenção dos veículos.

A gestão de frotas não é tarefa fácil e exige muita atenção de quem está no controle. Além de todos os problemas que surgem, encontrar saídas para minimizar os custos torna as coisas ainda mais desgastantes.

Contudo, se você fizer a manutenção preventiva, investir em tecnologias de inovação e não deixar de contar com produtos de qualidade, isso pode ser facilmente resolvido e inclusive melhorado.

50 dicas reducao de combustivel

Especialista Técnico formado pela Universidade Metodista de Piracicaba em Engenharia Industrial Mecânica, Pós Graduado em Marketing. Com mais de 22 anos de experiência no setor de Petróleo, sendo 9 anos na área de vendas de lubrificantes industriais e automotivos, e os demais na área de suporte técnico e desenvolvimento de lubrificantes para mercado brasileiro.

4 comments

  1. Fabio Gomes says:

    Ola, realmente, não é fácil!
    Há 4 anos venho trabalhando com gestão de frota de uma Usina de Cana, e devido nossos veículos serem alugados é mais complicado ainda manter um controle de tudo, venho fazendo vários estudos e projetos relacionados à melhoria do controle, e sempre vamos obtendo bons resultados a cada passo dado.
    Obrigado por disponibilizar dicas para nos ajudar.

    Att.
    Fabio Gomes

  2. Melissa says:

    Amigo,

    Gostaria de saber como melhorar ou reduzir os custo com documentação (taxas detran, licenças especiais, civ, cipp, aferição, tacofrago) visto que também é um custo bem expressivo dentro de uma transportadora e acredito que tem sim como melhorar. Trabalho com transporte de combustível e quero da uma melhorava nessa area.

    • Delton Stabelini Delton Stabelini says:

      Olá, Melissa. Tudo certo? Podemos te dar toda assessoria no que se refere à compra e venda de lubrificantes, continue nos seguindo e acompanhe outras dicas para a sua área. Grande abraço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *